Região

Prefeito de Iguatama parcela piso salarial dos professores em três vezes e valor integral será pago somente nos dois últimos meses do ano

O prefeito de Iguatama, Lucas Vieira Lopes (Solidariedade) sancionou no final do mês de maio a Lei 1.559 que garantiu a revisão de 33,24% nos salários dos professores da rede municipal e ensino. Com isso, a categoria obteve a recomposição salarial de acordo com o piso nacional, porém somente receberá o valor integral nos últimos dois meses do ano.

No dia 4 de fevereiro desse ano, o governo federal oficializou o aumento do piso salarial dos professores da rede pública de educação básica de R$ 2.886 pagos em 2021 para R$ 3.845 a partir de janeiro desse ano. O reajuste concedido foi de 33,24%, que deveria ser praticado por todos os municípios do país.

No dia 10 de fevereiro, o prefeito Lucas Vieira sancionou a Lei 1.549, que concedeu a revisão salarial de 10,16% para todos os servidores ativos e inativos do município, incluindo os professores.

Embora tenha sido sancionada em maio, os efeitos da Lei 1.559 só passarão a valer a partir do dia 1º desse mês. A Lei concedeu a recomposição de 23,08% aos salários dos professores, que somados aos 10,16% concedidos em fevereiro, atingem o índice de 33,24% concedidos pelo governo federal ao piso nacional da categoria.

Apesar de o prefeito ter complementado o percentual para atingir o piso nacional, os professores do município somente receberão o valor integral nos dois últimos meses do ano. De acordo com a Lei, a categoria receberá mais 10,08% a partir da folha de pagamento desse mês e os 13% restantes serão incorporados aos salários somente a partir de 1º de novembro. Dessa forma, os servidores somente receberão o piso integral nos dois últimos meses do ano.

Fonte: Sintram Centro Oeste/MG

Receba as reportagens do Portal G37 em primeira mão através do nosso grupo de WhatsApp: https://chat.whatsapp.com/Ipn5sNVqaDc7WwATXAwFsF

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.