Turismo

MTur e LabTrans mapeiam infraestrutura de transportes da Região Sudeste

Foram analisadas cinco rotas turísticas estratégicas, contempladas no programa Investe Turismo.

OMinistério do Turismo e o Laboratório de Transportes e Logística da Universidade Federal de Santa Catarina (LabTrans/UFSC) realizaram um diagnóstico das infraestruturas de transportes existentes nas cinco rotas turísticas estratégicas da Região Sudeste, contempladas no programa Investe Turismo. O mapeamento abordou os modos de transporte das rotas Costa do Sol; Rio de Janeiro Imperial; Belo Horizonte e Cidades Históricas de Minas; Vitória e Montanhas Capixabas; São Paulo e Litoral Norte.

Para ver o relatório na íntegra, clique AQUI.

Nos municípios que integram as rotas foram levantadas informações como a identificação das cidades pertencentes, de trechos ferroviários, portos organizados com terminais de passageiros, instalações portuárias de turismo e aeroportos. Também foi possível traçar as condições de transporte, incluindo a estrutura existente, integração dos modais e a disponibilidade de informações aos turistas.

“Com este mapeamento foi possível identificar o grande potencial da Região Sudeste para o turismo ferroviário. As informações detalhadas do relatório sobre a malha ferroviária e as estações existentes serão essenciais para subsidiar ações e políticas com foco no desenvolvimento deste segmento na região”, ressalta a secretária nacional de Atração de Investimentos, Parcerias e Concessões, Débora Gonçalves.

O diagnóstico integra apenas a primeira fase da parceria entre o MTur e o LabTrans. A próxima etapa será propositiva e terá como principal entrega o Plano Diretor de Mobilidade e Conectividade Turística. Nesse momento, será possível elaborar diretrizes para orientar todo o País a partir de ações com aplicabilidade em todos os municípios.

AÇÕES – O turismo ferroviário é um dos temas amplamente discutidos no âmbito do Fórum de Mobilidade e Conectividade Turística (Fórum MOB-Tur), do Ministério do Turismo. A partir de um Grupo Técnico (GT) do Fórum, criado para estudar a viabilidade de implantação de um trem turístico entre os municípios de Belo Horizonte e Brumadinho (MG), foi possível observar o interesse de diversas entidades na análise de outros trechos ferroviários na região, como o Trem Turístico Gravatá-Russinhas e o Trem Turístico Rumo à Nascente Rio Paraná. Os resultados do GT foram compilados no Relatório Trens Turísticos e Preservação da Memória Ferroviária, a ser disponibilizado na página do Fórum MOB-Tur.

ROTAS

Rota Costa do Sol é composta por sete municípios do Rio de Janeiro, que fazem parte de duas regiões turísticas: Costa Verde, que abrange os municípios de Paraty e Angra dos Reis; e Costa do Sol, que reúne os municípios de Armação dos Búzios, Arraial do Cabo, Cabo Frio, Rio das Ostras e Saquarema.

A Rota Rio de Janeiro Imperial é composta por quatro municípios do Rio de Janeiro, que fazem parte de duas regiões turísticas: Metropolitana, com o município do Rio de Janeiro; e Serra Verde Imperial, com os municípios de Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis.

A Rota Belo Horizonte e Cidades Históricas de Minas écomposta por nove municípios de Minas Gerais, abrangendo cinco regiões turísticas: Veredas do Paraopebas, com o município de Brumadinho; Capital Belo Horizonte, com o município de Belo Horizonte; Diamantes, com a cidade de Diamantina; Ouro, com os municípios de Congonhas, Mariana, Ouro Preto e Sabará; e Trilha dos Inconfidentes, com Tiradentes e São João del Rei.

A Rota Vitória e Montanhas Capixabas é composta por cinco municípios do Espírito Santo, que fazem parte de duas regiões turísticas: Metropolitana, com os municípios de Guarapari, Vila Velha e Vitória; Montanhas Capixabas, com o município de Domingos Martins e Venda Nova do Imigrante.

A Rota São Paulo e Litoral Norte é composta por seis municípios de São Paulo, que fazem parte de duas regiões turísticas: Litoral Norte de São Paulo, que abrange os municípios de Bertioga, Caraguatatuba, Ilhabela, São Sebastião e Ubatuba; e a capital, no município de São Paulo.

Fonte: Ministério do Turismo.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.