Brasil

Ministério da Agricultura libera retomada da venda de cervejas da marca Backer

A liberação pelo Ministério foi para duas adegas da empresa

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) anunciou permitiu a retomada da venda de cervejas da fábrica mineira Backer. Em 2020, o órgão havia proibido o funcionamento da cervejaria em razão de um caso de contaminação.

A empresa foi investigada e teve suas unidades de produção interditadas depois que lotes de cervejas causaram intoxicação em consumidores, resultando na morte de pelo menos 10 pessoas.

Investigadores acharam a substância tóxica dietilenoglicol, usada em sistemas de refrigeração. Três sócios da companhia, sete funcionários e um fornecedor foram denunciados pelo Ministério Público.

A liberação pelo Ministério foi para duas adegas do parque fabril da empresa.  A produção já vinha ocorrendo após o ministério autorizar a volta da fabricação do produto em novembro de 2021.

Segundo o órgão, a decisão foi tomada depois de análise por auditores agropecuários. Eles avaliaram amostras de lotes que passaram a ser produzidos. Diante da ausência de problemas e da validação das bebidas, a permissão da volta da comercialização foi emitida.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto:

Bloqueador de Anúncio Detectado

Nosso conteúdo é gratuito e o faturamento do nosso portal é proveniente de anúncios. Desabilite o seu bloqueador de anúncios para ter acesso ao conteúdo do Portal G37.